Escola social promove cortejo de carnaval para celebrar os direitos da criança

Festa popular é tema de estudos, oficinas e integração com as famílias na educação infantil.

O carnaval está chegando e uma turma de crianças está se preparando para essa festa de um modo muito especial. Com o tema “Os direitos da criança”, o cortejo popular com diversas alas vai integrar alunos e famílias do Marista Escola Social Curitiba, no dia 21 de fevereiro. A Escola atende gratuitamente crianças de 0 a 5 anos no bairro Fazendinha.


Em sua terceira edição, o projeto envolve todas as áreas da escola, a equipe pedagógica e os demais colaboradores. “É uma oportunidade de estudar e de mostrarmos às crianças e famílias o contexto histórico do carnaval e, principalmente, fortalecer o sentido de comunidade, onde todos podem aprender juntos”, revela o diretor do Marista Escola Social Curitiba, Ricardo Sartorato.


O direito ao brincar

E como todo bom desfile de carnaval a divisão em alas facilita a participação de todos. Divididos por etapas e idades, cada ala vai apresentar uma temática envolvendo os direitos da criança: saúde e segurança, alimentação, brincar e moradia


A presença das famílias também será um dos grandes acontecimentos neste pré-carnaval. Durante esta semana, elas terão a oportunidade de participar de uma oficina de adereços e fantasias com materiais sustentáveis e recicláveis, disponíveis na biblioteca. “A participação e integração dos pais na escola é fundamental, principalmente na educação infantil, e nada melhor do que uma celebração para fortalecer esse vínculo”, reforça Sartorato.


O Cortejo Popular 2020 será realizado às 15h do dia 21 de fevereiro, com a participação da bateria da PUCPR.


Marista Escolas Sociais

O Marista Escola Social Curitiba beneficia crianças e adolescentes de 0 a 5 anos e faz parte do Marista Escolas Sociais – que atende gratuitamente 7.500 crianças, adolescentes e jovens por meio de 20 Escolas Sociais, localizadas em cidades de Santa Catarina, Paraná e São Paulo. Os alunos atendidos nas Escolas Sociais têm acesso a uma educação de qualidade e gratuita que vai desde a educação infantil até o ensino médio, além de projetos educacionais pedagógicos que acontecem no período contrário às aulas.

Últimas Notícias