Como deixar a documentação do carro em dia para 2020

Saiba como deixar a documentação do carro em dia seguindo alguns passos simples

No novo ano é hora de fazer promessas e organizar o que está por vir e a documentação do carro faz parte desse processo.


É necessário verificar quais são os documentos que precisam ser pagos, quais os prazos para a regularização e assim andar mais tranquilo sem medo de ter o carro apreendido ou levar uma multa.


Para quem ainda está em dúvida do que precisa ser feito, preparamos uma orientação do é preciso verificar.


Documentação do carro em dia: passo a passo


No começo do ano, a maior preocupação dos motoristas é com o pagamento do IPVA (Imposto de Propriedade de Veículos Automotores), pois a cota única ou primeira parcela costumam vencer em janeiro.


Verifique no site do Detran qual o vencimento e opte por uma forma de pagamento, à vista ou parcelado, lembrando que a cota única costuma disponibilizar desconto.


Para ter acesso ao documento de pagamento será necessário estar com o número do Renavam (Registro Nacional de Veículo) e a placa para ter acesso às informações.


Feito isso é hora de passar para o pagamento do próximo imposto, o DPVAT (Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres). Ele também possui vencimento em janeiro e, dependendo do estado de residência, a cobrança ocorre junto com o IPVA.


Para quem não tem acesso ao pagamento junto, pode imprimir o boleto do DPVAT no site da Seguradora Líder que administra esse seguro.


Pagos os impostos obrigatórios, é hora de verificar a tabela de licenciamento. O prazo limite para que ele seja feito depende do final da placa do carro, por isso, cada motorista deve estar atento as datas.


No site do Detran é possível verificar o calendário e para que o CRLV (Certificado Registro e Licenciamento de Veículo) do ano vigente seja liberado é preciso estar com os impostos pagos.


Acesse o site do Detran, pague o valor correspondente ao CRLV e siga os passos informados pelo órgão responsável para ter acesso ao documento.


Seguindo esses passos é possível garantir a documentação do carro em dia e evitar problemas, mas para isso é preciso que o motorista esteja sempre com a sua CNH e a CRLV do veículo.


O que acontece se a documentação estiver em atraso?


Se por algum motivo perder alguma data de pagamento é possível regularizar. Será necessário que pague pelo imposto ou licenciamento imprimindo um novo boleto que será gerado com cobrança de juros e multa. Feito isso os demais passos continuam iguais ao já descrito.


Um ponto que muitos motoristas não se atentam é que não existe somente o risco de andar com o carro irregular, pois isso também impede da contratação do seguro auto, por exemplo, além de outros serviços.


Entretanto, se o motorista insistir em andar de carro com a documentação atrasada, pode sofrer as penalidades previstas na lei.


Se for flagrado com a documentação do carro irregular, será autuado pelas autoridades, receberá pontuação em sua habilitação, terá que pagar multa e o veículo será apreendido.


A liberação do carro só será feita após a regularização do veículo e quitação dos valores correspondentes ao reboque e pátio, o que costuma pesar no bolso.


Agora que já sabe como deixar a documentação do carro em dia e não quer ter problemas, verifique os prazos e não perca nenhum deles.


Por Jeniffer Elaina, do SeguroAuto.org

21 de outubro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: (41) 8713-4418

Correio Paranaense / Jornal do Ônibus

comercial@jornaldoonibusdecuritiba.com.br

Tel. 41 3263-2002

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest