banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

Especialistas ensinam como o carro deve ser preparado para viajar no Réveillon

Milhões de brasileiros aproveitam o descanso no fim de ano para viajar. Mas é preciso preparar o carro adequadamente para não ter problemas

Com a chegada do fim de ano, milhões de brasileiros planejam viajar para as cidades litorâneas e aproveitarem o Réveillon perto do mar. Cidades como Ubatuba, no litoral norte de São Paulo, ou Balneário Camboriú, em Santa Catarina, esperam receber milhões de turistas na virada de 2019 para 2020.


Para poder curtir o fim de ano com tranquilidade, é preciso que os turistas preparem os seus carros adequadamente. Afinal, esse é o momento em que os acidentes são mais comuns nas rodovias.


Os especialistas do Casa Grande Auto Shopping , a maior oficina mecânica e loja de pneus de Florianópolis , explicam a seguir como preparar o carro para poder pegar a estrada sem medo no fim de ano.


"Para pegar a estrada em segurança e curtir as férias de fim de ano sem problemas, basta ter o carro com a revisão em ordem, se precaver e dirigir com cuidado. Seguindo esses três passos, as pessoas poderão curtir a praia e o Réveillon sem nenhum problema", analisa o especialista.


O primeiro estágio para poder viajar no Réveillon, portanto, é realizar uma revisão geral no veículo com certa antecedência. O procedimento é muito importante, pois detecta peças que estão desgastadas e outros problemas antes que eles aconteçam.


"Uma das piores coisas que pode acontecer com um motorista é quebrar alguma peça ou ter algum problema no meio da estrada. Primeiro, porque a situação em si já é bem negativa. Segundo que, pela distância, fica bem mais difícil, demorado e caro para obter ajuda", revela o mecânico especializado.


Portanto, o primeiro ato para preparar o carro para viajar no Réveillon é levá-lo até uma oficina mecânica de confiança para fazer uma revisão completa e identificar qualquer fonte de problema no veículo.


"É normal encontrar pastilha do freio gasta, lubrificação baixa ou pneus carecas nessas revisões de fim de ano. O custo de reparar todos esses problemas é muito menor do que se eles fossem detectados só na hora de uma pane no meio da estrada", revela o especialista.


Além de fazer uma revisão completa em todos os sistemas do carro, o segundo passo para que o motorista possa se preparar para viajar no Réveillon é se precaver. Isso significa criar um kit de segurança para ter uma solução para os principais problemas que possam acontecer.


"O primeiro passo para se precaver é garantir que todos os itens de segurança do carro, como o extintor, o triângulo, o macaco, a chave de roda e um kit de primeiros socorros estejam funcionando e dentro da validade", revela o especialista.


Em seguida, o objetivo deve ser montar uma lista com números de telefone para ligar em caso de necessidade.


"É essencial ter o número da polícia e de um hospital, além do seguro automóvel e profissionais que possam ajudar, no caso de furar um pneu ou algo do tipo", diz o mecânico.


Além disso, para terminar a fase de preparação, é essencial contar com um estepe de qualidade dentro do seu carro. Isso porque o problema mais comum que os motoristas enfrentam na viagem de fim de ano é furar um pneu.


"Nenhum motorista quer sair para viajar no Réveillon e furar o pneu do carro no meio do caminho. No entanto, isso pode acontecer. Por causa disso, é essencial ter um estepe de boa qualidade no carro na ida e, caso seja necessário, comprar um pneu na cidade de férias, na volta também", aconselha o especialista.


O último passo para preparar o carro para as férias no litoral é, certamente, dirigir com cuidado. Afinal, muitos acidentes acontecem também por causa dos maus hábitos dos motoristas, que correm acima do permitido para chegar logo e fugir do trânsito.


"É essencial que o motorista tenha foco e cuidado na hora de dirigir, especialmente se for descer a serra ou andar por estradas que não conhece muito bem. Isso significa respeitar a velocidade da região, ter atenção redobrada nos veículos ao redor e ficar atento com as curvas da região", alerta o especialista.


A viagem de ida e de volta, no entanto, não é o único elemento a se preocupar em termos de bons hábitos de direção. O período em que o motorista estiver com o carro na cidade de férias também deve ser levado em conta nessa hora.


"Muitos motoristas dirigem muito bem na estrada, mas acabam cometendo erros básicos na cidade, como estacionar com o pneu apoiado na guia ou passar por cima de uma lombada com as rodas inclinadas, por exemplo", revela o mecânico.


Essas atitudes são prejudiciais, pois causam danos aos pneus. Estacionar com um deles parado na guia, por exemplo, joga todo o peso do automóvel nas peças, que possuem câmaras internas que podem estourar e formar bolhas. Já passar com o carro pela lombada com as rodas inclinadas gera um choque que pode causar o mesmo efeito nas câmaras de ar dos pneus.


"Viajar de férias no fim de ano é uma alegria enorme, mas exige cuidados. O motorista deve fazer uma revisão completa no carro para identificar pontos vulneráveis, precaver-se com o pneu estepe e kit de primeiros socorros, além de dirigir com cuidado na estrada e na cidade onde ficará hospedado. Tomando esses cuidados, não há razão para temer alguns imprevistos, garantindo que o descanso seja incrível e que o motorista comece o novo ano com o pé direito", conclui o especialista do Casa Grande Auto Shopping.

https://casagrandeautoshopping.com.br

Fonte: dino.com.br

5 de dezembro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

CONTATO:

         E-mail: redacao@jornale.com.br

         CEL: (41) 9.9978-9956

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest