Democracia em Vertigem entra em pré-lista de documentário no Oscar

A Vida Invisível ficou fora na categoria filme estrangeiro



O documentário "Democracia em vertigem", da diretora brasileira Petra Costa, entrou em uma pré-lista de 15 filmes que podem ser indicados ao Oscar 2020. A lista final com cinco concorrentes será divulgada no dia 13 de janeiro.


Na categoria de melhor filme internacional, no entanto, o Brasil ficou de fora da pré-lista. O longa brasileiro que havia sido escolhido pela Academia Brasileira de Cinema (ABC) para tentar a vaga era "A vida invisível", de Karim Aïnuz, ganhador da mostra Um Certo Olhar do Festival de Cannes.


Os dez filmes da pré-lista da categoria internacional incluem "Parasita", da Coreia do Sul, e "Dor e glória", da Espanha, mas não "A vida invisível".


"Democracia em vertigem" mostra o processo de impeachment de Dilma Rousseff e a crise política no Brasil, e foi lançado pela Netflix em junho de 2019.


A diretora mineira Petra Costa, de 36 anos, assinou os documentários "Elena" (2012) e "Olmo e a gaivota" (2014), premiados respectivamente nos festivais de Brasília e do Rio. Esta é sua primeira indicação ao Oscar.


Outro filme pré-indicado na categoria de documentário, "Privacidade hackeada", tem como um dos roteiristas o brasileiro Pedro Kos.


A cerimônia do Oscar 2020 acontece no dia 9 de fevereiro, em Los Angeles.

25 de outubro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: (41) 8713-4418

Correio Paranaense / Jornal do Ônibus

comercial@jornaldoonibusdecuritiba.com.br

Tel. 41 3263-2002

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest