Por doping, Rússia é banida das Olimpíadas e Mundiais

País foi punido por quatro anos pela Wada por falsificação de dados



A Agência Mundial Anti-Doping (WADA, sigla em inglês) anunciou nesta segunda-feira a punição à Russia devido aos casos de doping e manipulação de resultados de exames. Em decisão unânime, foi definido o banimento do país de grandes eventos esportivos até 2023. Há a possibilidade de recurso no Tribunal Arbitral do Esporte (TAS) nos próximos 21 dias.


Com a punição, a Rússia fica de fora dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. No entanto, atletas do país que provarem não ter consumido substâncias ilegais vão poder competir de modo independente.

Últimas Notícias