banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

Pedágios terão reajuste entre 2,9% e 3,3% no Paraná

Data para entrada em vigor dos novos valores não foi definida



O reajuste das tarifas de pedágio de seis concessionárias do Anel de Integração no Paraná foi homologado ontem pela Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Infraestrutura do Paraná (Agepar). A data para que novos valores entrem em vigor ainda não foi definida. O reajuste médio anual será de 3,3% para cinco concessionárias: Econorte, Viapar, Ecovia, Ecocataratas e Caminhos do Paraná.


Somente a RodoNorte terá um reajuste médio de 2,9%, porque a concessionária usa a fórmula paramétrica prevista no contrato original enquanto as demais tiveram a fórmula alterada a partir de 2014. A Agepar informou que as tarifas poderão sofrer alteração, tendo em vista os acordos de leniência que foram firmados ou a serem firmados.


O acordo de leniência foi firmado pela Ecorodovias, controladora da Ecovia e da Ecocataratas, com a força-tarefa da Operação Lava Jato. Em setembro deste ano, foi reduzido em 30% as tarifas de seis praças de pedágio no Estado. O acordo prevê a recuperação de R$ 400 milhões, que devem ser pagos até o fim das concessões, em 2021.

29 de novembro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Contato

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: 41.8713-4418

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest