Bivar diz que relação com Bolsonaro não tem volta

Presidente do partido está pressionado a expulsar deputados



O presidente do PSL, deputado Luciano Bivar, tem dito a aliados nos últimos dias que “não tem volta” a relação com Jair Bolsonaro e com o grupo do presidente da República. Bolsonaro e aliados têm feito críticas públicas ao que chamam de falta de transparência nas contas do partido presidido por Bivar.


Bivar tem afirmado que “não tem condições” de conversar para recompor pontes com o grupo de Bolsonaro. O presidente do PSL se diz “traído” pelo presidente e afirma a seus colegas de partido que “a situação chegou a um ponto insustentável”. Deputados do PSL têm cobrado Bivar a convocar uma reunião para discutir a expulsão de parlamentares e também a troca de comando em diretórios estaduais, como São Paulo e Rio de Janeiro, ambos comandados por filhos de Bolsonaro.

31 de outubro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: (41) 8713-4418

Correio Paranaense / Jornal do Ônibus

comercial@jornaldoonibusdecuritiba.com.br

Tel. 41 3263-2002

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest