banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

Casamento sustentável é escolha entre muitos casais

Como a preocupação ambiental afetou o mercado de casamentos?

A sustentabilidade tomou uma proporção gigantesca nos últimos anos. Isso é um fato. Com o passar do tempo, alinhado com acontecimentos recentes, as pessoas passaram a tomar consciência de que alguns hábitos devem ser diferentes. Mas será que isso é o suficiente? As medidas tomadas são efetivas? O consumo é consciente? Essas são algumas das perguntas refletidas e que fizeram com que as pessoas mudassem em todos os âmbitos da vida, até mesmo quando planejam seus casamentos.


Não é segredo para ninguém que houve uma mudança drástica no estilo de casamento nos últimos anos. Os estilos tradicionais e clássicos foram substituídos pelos mini weddings com itens feitos à mão. O sustentável e o rústico viraram tendência. Isso se mostra evidente ao analisar dados: no último ano, o marketplace Elo7 recebeu cerca de 1.570 pedidos ligados ao tema rústico no setor, incluindo produtos como convites, decorações, lembrancinhas entre outros itens de casamentos personalizados.


Isso se deu pelo fato do crescimento rápido do mercado de casamento. Com maiores possibilidades e opções, veio também o maior preço. Com isso, alguns casais escolhem optar por uma cerimônia menor e econômica.


Além dessa preocupação, outra muito recorrente nos últimos anos, e que também pode explicar as recentes mudanças, é a sustentabilidade. Cuidar do meio ambiente é proposta principal para algumas pessoas e, por isso, acabam levando esse ideal para os seus casamentos também.


Segundo a pesquisa Panorama do Consumo Consciente no Brasil, que o Instituto Akatu apresentou em São Paulo no dia 25 de julho de 2018, uma vida saudável é prioridade na vida do consumidor brasileiro. Práticas sustentáveis foram incorporadas por 38% dos entrevistados em 2018, número que, em 2012, era de 32%.


A escolha do tema, além de importante, é também tendência. Roberto Cohen, cerimonialista badalado do país, observou as mudanças e estilos adotados pelas noivas nos últimos meses e revela tendências futuras. Em entrevista para Srzd, ele conta que “A economia trouxe casamentos mais conscientes, se adequando mais a realidade que simplesmente aos exageros, mas sem perder o romantismo”.


Com as recentes mudanças no comportamento das pessoas, os mercados devem se adaptar, e não foi diferente quando o assunto é casamento. A demanda por produtos rústicos e feitos à mão aumentou muito e estes passaram a ser os queridinhos das noivas: “Mais que uma tendência, sustentabilidade é o despertar da consciência de consumo. O crescimento de noivas que preferem comprar produtos rústicos, usar peças afetivas na decoração do casamento, é cada vez maior. Essa mudança de escolhas não tira a beleza e encanto da festa de casamento e muitas opções são compatíveis com o mercado tradicional como os convites que podem ser plantados depois do casamento por exemplo", conta Jackeline Braga, head da categoria de casamento do marketplace Elo7.

http://www.elo7.com.br

Fonte: dino.com.br

29 de novembro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Contato

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: 41.8713-4418

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest