banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

Teatro é tema de bate-papo com Miguel Falabella e Eduardo Moreira

Evento será no dia 02 de setembro, no Pátio Batel



Depois de cinema, literatura e música, chegou a vez do teatro ser tema do Conversarte, evento composto por cinco encontros que acontecem de junho a outubro em Curitiba para debater e estimular a produção artística contemporânea, fortalecendo, assim, o desenvolvimento cultural da cidade. “É um projeto de uma gentileza enorme, com infraestrutura em formato inédito”, afirmou a escritora, roteirista e atriz Fernanda Young que participou do terceiro encontro este ano. “O Conversarte é um evento ótimo pois gosto de conversar e gosto ainda mais de ouvir as perguntas”, descreveu o jornalista, compositor e escritor Nelson Motta que esteve no encontro sobre música.


O quinto e penúltimo encontro desta edição do Conversarte é dia 02 de setembro e traz Miguel Falabella, ator, dramaturgo, diretor, cineasta e escritor, e Eduardo Moreira, ator e fundador do Grupo Galpão. Realizado pela Montenegro Produções Culturais e pelo Ministério da Cidadania, o evento acontece no Pátio Batel e beneficia, com a venda de ingressos, o Hospital Erasto Gaertner. “Estamos impressionados com a participação e interação do público que cresce a cada encontro”, afirma Carolina Montenegro, diretora da Montenegro Produções Culturais. “Prestes a fazer o penúltimo encontro, podemos afirmar que o Conversarte está cumprindo muito bem seu papel de debater a arte e contribuir na formação de plateia”, completa.


Conversarte – Teatro


Com mediação de Igor Cordeiro, o bate-papo vai girar em torno do teatro contemporâneo e suas liberdades estéticas, cênicas, narrativas e conceituais. Os gêneros teatrais e seus lugares no mercado cultural, as poéticas construídas a partir da fusão de manifestações artísticas, os nichos teatrais e a segmentação de público, as releituras de autores clássicos e os jovens dramaturgos do teatro brasileiro também serão temas do encontro. A relação entre palavra, imagem e as novas formas do teatro experimental entram na pauta do debate juntamente com a descentralização dos espetáculos e o alcance fora dos grandes centros, a importância dos festivais especializados para novas companhias, as fontes de financiamento e a cadeia econômica dos grandes e pequenos produtores de teatro no Brasil.


Em paralelo, a Galeria InterARTividade (Piso L3 do Pátio Batel) recebe, entre 18 de agosto e 08 de setembro, a exposição Céu de Espelhos, de Samuel Kavalerski. Intérprete, criador e educador, Kavalerski articula diferentes linguagens em seus trabalhos: dança, teatro, artes visuais e literatura. O artista já foi professor e coreógrafo do Corpo Jovem da Escola de Dança do Theatro Municipal de São Paulo, participou do espetáculo teatral Tchekhov é um cogumelo (indicado ao Prêmio de Melhor Espetáculo pela APCA em 2017) e, em 2016, dirigiu Céu de Espelhos, projeto vencedor do 20º Cultura Inglesa Festival, dividindo a criação e a cena com Irupé Sarmiento. Com curadoria de Tom Lisboa, a mostra - inspirada pelos Beatles e por Lewis Carroll - traz uma vídeoinstalação desenvolvida especialmente para a Galeria InterARTividade, que apresenta referências surrealistas e possibilidade de “novos mundos” ao público.


Ingressos pelo Disk Ingressos: Lote promocional - a partir de R$36 (inteira) e R$18 (meia-entrada)

R$56 (inteira) ou R$28 (meia-entrada)

4 de dezembro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Contato

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: 41.8713-4418

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest