Orquestra à Base de Corda abre seleção para pianista

As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas por meio do preenchimento da ficha de inscrição e entrega na sede do ICAC, situada na Capela Santa Maria

Foto: Cido Marques - Fundação Cultural de Curitiba (http://www.fundacaoculturaldecuritiba.com.br)

A Orquestra à Base de Corda está com inscrições abertas até o dia 26/8 para vaga de músico bolsista pianista. É pré-requisito que os candidatos tenham experiência comprovada na área de Música Popular Brasileira. Eles serão avaliados por uma banca composta por profissionais de renome.


As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas por meio do preenchimento da ficha de inscrição e entrega na sede do ICAC, situada na Capela Santa Maria, juntamente com os documentos que constam no edital. Informações específicas sobre o processo de seleção também estão no edital. Pede-se atenção na leitura do documento.


Após a análise do currículo, o candidato fará a prova prática, na qual deverá executar duas peças: “Karatê” de Egberto Gismonti e uma peça de livre escolha da MPB. Também será solicitado um improviso sobre uma harmonia disponibilizada no momento da prova.


Entre os critérios de avaliação estão o domínio técnico, o conhecimento dos estilos de MPB e do seu vocabulário e o senso rítmico e interpretativo.


Testes


Os testes serão realizados no dia 30/8 das 9h às 13h, no Conservatório de MPB de Curitiba. O resultado será divulgado no dia 2 de setembro nos sites da Fundação Cultural de Curitiba (FCC) www.fundacaoculturaldecuritiba.com.br e do Instituto Curitiba de Arte e Cultura (ICAC) www.icac.org.br


Sobre o grupo


Orquestra à Base de Corda foi criada por Roberto Gnattali, em 1998. Dedicado à pesquisa e à divulgação da música brasileira, o grupo possui formação instrumental ímpar – desde 2001 conta com violino, bandolim, cavaquinho, viola caipira, violão, violão 7 cordas, piano e percussão – o que confere ao grupo sonoridade bastante particular.


Seu repertório procura abranger diversos períodos da história da música popular brasileira e inclui composições de seus integrantes. Os arranjos são especialmente elaborados por músicos da orquestra e por nomes como Paulo Bellinati, Maurício Carrilho, Leandro Braga, Dante Ozzetti, Jayme Vignoli, Mario Manga, André Abujamra, Paulo Aragão, Josimar Carneiro.

Últimas Notícias