Wimbledon começa com prêmios maiores em 2019

O CEO do tradicional torneio inglês Richard Lewis anunciou no último mês de abril esta mudança na premiação com relação aos anos anteriores.

O torneio de Wimbledon pode ser considerado o mais tradicional torneio do tênis mundial, e será disputado pelas próximas duas semanas no All England Tennins and Croquet Club em Londres. Porém, segundo os seus organizadores ele terá um bom diferencial para os anos anteriores: o valor dos prêmios que serão distribuídos aos participantes.


O CEO do tradicional torneio inglês Richard Lewis anunciou no último mês de abril esta mudança na premiação com relação aos anos anteriores, e confirmou que em 2019 em Wimbledon serão distribuídas 38 milhões de libras esterlinas, algo em torno de R$ 185 milhões na cotação atual.


Uma grande notícia para os participantes de Wimbledon neste ano é o fato de que a maior parte deste aumento na premiação será aplicado nas primeiras rodadas e não para o campeão do torneio, seja ele na sua versão masculina ou feminina.


Para 2019 um jogador que seja eliminado já na primeira rodada teria direito a receber como premiação 45 mil libras, ou R$ 218 mil. Este é um valor 15% maior se comparado com a eliminação na mesma fase em 2018. Para os campeões a mudança será menor: enquanto em 2018 Novak Djokovic e Angelique Kerber receberam 2,25 milhões de libras pelo título em 2019 o prêmio no torneio masculino e feminino será de 2,35 milhões.


Com este aumento de premiação além de todo o glamour Wimbledon terá a segunda maior premiação de todo o calendário da ATP vencendo torneios como Roland Garros e o Australian Open, mas ainda atrás dos prêmios distribuídos no US Open.


Além dos prêmios distribuídos aos jogadores, o torneio de Wimbledon também promete movimentar o mercado de apostas esportivas neste início de julho, dividindo atenções com as fases finais da Copa América disputada nos gramados brasileiros.


Para o site de apostas Betz Club, que inclusive prepara promoções especiais para este torneio incluindo R$ 20 grátis para novos cadastrados conhecerem sua plataforma de apostas, o sérvio Novak Djokovic é novamente o maior favorito para ficar com o título novamente nesta temporada.


Djokovic é seguido por Roger Federer, maior campeão da história de Wimbledon, e Rafael Nadal. Entre as mulheres há um equilíbrio maior, com Ashleigh Barty e Karolina Pliskova empatadas com as mesmas chances de título. Logo na sequência aparece a veterana Serena Williams.

26 de outubro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: (41) 8713-4418

Correio Paranaense / Jornal do Ônibus

comercial@jornaldoonibusdecuritiba.com.br

Tel. 41 3263-2002

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest