Novo livro de contos de Carlos Machado será lançado em Curitiba

Os doze relatos que formam o volume formam a obra Era o Vento


Novo livro de contos de Carlos Machado será lançado em Curitiba

A literatura do escritor e músico curitibano Carlos Machado é testemunha da mudança dos tempos e das pessoas. Seus personagens flutuam pelos espaços das cidades, desenhando pelas muitas ruas e esquinas uma trajetória a esmo, enquanto estão conscientes de que são sujeitos ausentes ou perdidos. Era o vento (140 páginas, Editora Patuá), que será lançado no dia 25 de maio, às 14h30, no Café Tiramisù, reúne contos escritos durante o trânsito do autor entre o Brasil e a Suíça, refletindo os caminhos que unem e apartam os seres humanos.

Para além do olhar sobre Curitiba, que é a figura central em muitos dos seus trabalhos anteriores, Machado constrói histórias que sustentam sobre temas como a inquietude frente ao outro, a (i)migração, a mobilidade e a imobilidade, as ditaduras, as guerras e o desejo de controle. “São temas que parecem distantes, mas que na verdade estão muito presentes”, explica o escritor, “e, por mais que eu achasse que tinha mudado o fio fundamental da minha obra – o desejo da solidão e o medo de ser solitário –, ele volta e se torna central outra vez, porém, transformado na busca por alguma coisa que nem sempre se sabe o que é”.

As narrativas se desenrolam em suas multiplicidades e variações, puxadas pelo anseio do autor em de viajar com o leitor para cada canto descrito nos contos. O olhar de Carlos Machado não se prende ao óbvio, ressignifica o cotidiano ao ler o mundo e interpretá-lo de uma maneira singela e muito pessoal.

Serviço

Era o vento (140 páginas, Contos)

Carlos Machado

Editora Patuá

R$ 40

Lançamento | Era o vento

Quando: 25 de maio, sábado | 14h30

Local: Café Tiramisù – anexo ao Museu Guido Viaro

Endereço: Rua XV de Novembro, 1330 - Centro

Últimas Notícias