banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

Chuvas deixam praia Brava de Caiobá imprópria para banho

Dos 49 pontos monitorados na região, 47 estão próprios



O quinto boletim de balneabilidade desta temporada, divulgado pelo Instituto Ambiental do Paraná (IAP) nesta sexta-feira (18), mostra um novo ponto impróprio para banho no Litoral. Além da Ponta da Pita, em Antonina, que já vem apresentando concentração de esgoto clandestino, um outro ponto que não está recomendado para banho, de acordo com as análises desta semana, fica na Praia Brava de Caiobá, na altura da Rua Alvorada. As chuvas podem ter causado a alteração.

Os demais locais analisados estão próprios. Ao todo, são monitorados semanalmente 49 pontos na região – 13 em Guaratuba, 14 em Matinhos, 11 em Pontal do Paraná, seis na Ilha do Mel, três em Morretes e dois em Antonina. No Interior, os 17 pontos continuam recomendados para banho.

Segundo a diretora de Monitoramento Ambiental e Controle da Poluição do IAP, Ivonete Coelho da Silva Chaves, as chuvas que ocorreram nos últimos dias podem ser o motivo do ponto na Praia Brava, em Caiobá, estar impróprio. “As fossas sépticas podem transbordar com o volume de chuva e irem para as galerias de águas pluviais”, explica a diretora. “O solo fica muito encharcado e não absorve a água direito”, continua.

30 de novembro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Contato

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: 41.8713-4418

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest