Inflamação impede Bolsonaro de fazer cirurgia

Presidente eleito terá que continuar com bolsa



Os médicos relataram que os exames pré-operatórios ainda apontaram “inflamação do peritônio e processo de aderência entre as alças intestinais”. Apesar disso, Bolsonaro “encontra-se bem clinicamente”, segundo o informe. “A equipe decidiu em reunião multiprofissional postergar a realização da reconstrução do trânsito intestinal”, informa a nota, assinada pelo cirurgião Antônio Luiz Macedo, pelo clínico e cardiologista Leandro Echenique e pelo diretor do hospital Miguel Cendoroglo. “O paciente será reavaliado em janeiro para definição do momento ideal da cirurgia.” Bolsonaro carrega a bolsa desde setembro, quando foi esfaqueado num ato de campanha eleitoral em setembro, em Juiz de Fora (MG). Este será o terceiro procedimento cirúrgico ao qual ele se submete desde então.

Publicidade

Últimas Notícias

banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

27 de Janeiro de 2021

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

   CONTATO:

         E-mail: redacao@jornale.com.br

         CEL: (41) 9.9978-9956

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest
  • Tumblr Jornale