Suspeitos pela morte de jogador dão depoimento à polícia

Edison Brittes Júnior, a mulher e a filha vão contar sobre a noite do assassinato



O empresário Edison Brittes Júnior, a mulher Cristiane e afilha Alana prestam depoimento nesta segunda-feira na Delegacia de São José dos Pinhais, sobre a morte do jogador Daniel Corrêa Freitas. Edison confessou ter assassinado o jogador, alegando uma supista tentativa de estupro. O advogado da família do jogador, Nilton Ribeiro, nega a versão apresentada pela família . Daniel foi morto no último fim de semana, em São José dos Pinhais. O advogado da família também questiona relatos da filha de Edison, Allana Brittes, divulgado em um vídeo à imprensa. Ela afirma que conhecia Daniel há menos de um ano, mas há fotos nas redes sociais de Daniel na festa de aniversário dela no ano passado. O advogado também acusa a família de ter mentido para a mãe de Daniel. No dia seguinte à morte dele, o empresário trocou mensagens com a mulher, dizendo que tinha visto Daniel dando “tchau” e ido embora da casa dela.

Publicidade

Últimas Notícias

banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

21 de Janeiro de 2021

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

   CONTATO:

         E-mail: redacao@jornale.com.br

         CEL: (41) 9.9978-9956

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest
  • Tumblr Jornale