FAS reabre casa de passagem para moradores de rua

Espaço oferece 40 leitos por noite para homens

Depois de passar por uma reforma, a Casa de Passagem Plínio Tourinho, no bairro Rebouças, foi reaberta para funcionamento permanente na noite desta terça-feira (23). A incorporação do espaço à rede de unidades próprias e conveniadas à Prefeitura destinadas a abrigar pessoas em situação de rua é uma determinação do prefeito Rafael Greca. O objetivo é ampliar a oferta de abrigo aos moradores de rua que frequentam a região central da cidade.

Nos últimos dois anos, a unidade funcionou como um espaço provisório para acolher a população em situação de rua nos meses de mais frio, quando a Prefeitura desenvolveu as Ações de Inverno – Curitiba que Acolhe.

A Casa de Passagem Plínio Tourinho atenderá exclusivamente pessoas encaminhadas pelo Centro de Abordagem 24 Horas - que faz a busca ativa de indivíduos em situação de rua e atende às solicitações que chegam à Central 156, e pela Casa da Acolhida e do Regresso (CAR), que funciona na Rodoferroviária.

Situada no bairro Rebouças, junto à praça de mesmo nome e próximo ao estádio do Paraná Clube, a Casa de Passagem Plínio Tourinho oferecerá inicialmente 40 leitos por noite exclusivos para o gênero masculino. “À medida que a demanda for crescendo, abriremos mais vagas até o máximo de cem”, explica a coordenadora da rede municipal de Centros de Referência Especializados para a População em Situação de Rua (Centros Pop) e casas de passagem para adultos da Fundação de Ação Social (FAS), Simone Alibosek.

26 de outubro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: (41) 8713-4418

Correio Paranaense / Jornal do Ônibus

comercial@jornaldoonibusdecuritiba.com.br

Tel. 41 3263-2002

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest