Prefeitura preocupada com furtos na iluminação durante o feriado

Apelo é para que população denuncie casos de vandalismo

Prefeitura preocupada com furtos na iluminação durante o feriado

Neste feriado prolongado, o Departamento de Iluminação da Secretaria de Obras Públicas faz um pedido à população para reduzir as ocorrências de vandalismo e furtos na iluminação pública da cidade. Os moradores que perceberem este tipo de ocorrência em vias públicas, parques e ciclovias podem ligar para a Guarda Municipal, no telefone 153. "Temos uma sólida parceria com as regionais, com a Defesa Social e com a polícia para a identificação e prisão dos ladrões que causam prejuízos à segurança da população e ao patrimônio de Curitiba", afirma o diretor do departamento, Tony Malheiros. No feriado de 7 de Setembro do ano anterior, foram furtadas mais de 50 luminárias decorativas de calçadas e de ciclovias na Avenida Marechal Floriano Peixoto, desde o viaduto da Linha Verte até a divisa com São José dos Pinhais. O prejuízo foi de aproximadamente R$ 100 mil. Malheiros explica que o cidadão deve ficar atento quando a movimentação em torno de algum poste de iluminação estiver sendo feita por pessoas não autorizadas. "Quando o serviço é feito pelo departamento ou por empresa contratada pelo município, os funcionários usam uniforme e os caminhões têm identificação, com o brasão da Prefeitura ou com a mensagem 'a serviço da Prefeitura de Curitiba'. Se o morador perceber que é um carro menor, semelhante aos que fazem serviço de telefonia, por exemplo, pode ser alguém não autorizado", explica. Ao fazer a denúncia é interessante que o morador informe a rua, o horário e, se possível, anote ou fotografe a placa do veículo que estava no local para ajudar nas investigações. Parte dos recursos destinados pela Secretaria de Obras Públicas à iluminação da cidade é aplicada na recuperação do sistema em função do vandalismo. "Neste ano, os atos de vandalismo e os furtos já ultrapassam R$ 200 mil, isso é mais do que todo o ano de 2017", informa Malheiros. Ele explica ainda que, sempre que isso acontece, o departamento faz a recuperação do sistema de iluminação no menor tempo possível, conforme a disponibilidade de recursos da área. "Mas esta verba poderia ser aplicada na implantação de novos sistemas e na revitalização dos existentes", afirma. O diretor revela alguns dos locais que já tiveram ocorrências de furto e vandalismo em 2018. "Infelizmente, neste ano, já ocorreu furto de cabos e equipamentos nos parques Cambuí, Tanguá, Tingui, nas ciclovias da Linha Verde, da Rua Conselheiro Araújo e da Avenida Mateus Leme", exemplifica.

Últimas Notícias