Cavalos usados na produção de soro de aranha-marrom são recuperados

Animais estavam abandonados em matagal em Pinhais

Cavalos usados na produção de soro de aranha-marrom são recuperados

Dois cavalos roubados do Centro de Pesquisa e Produção de Imunobiológicos (CPPI) da Seretaria de Saúde foram recuperados na sexta-feira (20). Os animais estavam amarrados em uma área de matagal no bairro Veisópolis, em Pinhais. Segundo o veterinário do CPPI, João Minozzo, o estado de saúde dos cavalos é bom, apesar de algumas arranhaduras. No CPPI, em Piraquara, os cavalos são utilizados no processo de produção de soro contra o veneno da aranha-marrom. O centro de pesquisa vinculado à Secretaria de Saúde do Paraná tem 72 animais. A partir do plasma do sangue desses dois cavalos que haviam sido roubados o estado produz 1,2 mil ampolas de soro por ano, quantidade suficiente para atender 120 pacientes. Segundo informações da Secretaria de Saúde, o resgate aconteceu com o apoio do Regimento de Cavalaria da Polícia Militar do Paraná, que providenciou um veículo para transporte dos animais ao centro de pesquisa.

Últimas Notícias