banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

Receita Federal apreende 857 kg de cocaína em Paranaguá

A droga estava escondida em meio a uma carga de feijão

Na manhã do dia 29 de junho, após ações de rotina, a Seção de Vigilância e Controle Aduaneiro (Savig) da Alfândega de Receita Federal em Paranaguá apreendeu 857 kg de cocaína que estavam ocultos em um contêiner com destino o porto de Algeciras, na Espanha.

A fiscalização desconfiou de sinais de adulteração de cargas em razão de haver feijões espalhados pelo chão em uma área no Terminal de Contêineres no Porto de Paranaguá. Através de pesquisa nos sistemas informatizados localizou e escaneou alguns contêineres que continham carregamento de feijão para exportação.

Para um destes contêineres a suspeita de contaminação com droga se confirmou. Após sua abertura, constatou-se que os tabletes de cocaína estavam próximos à porta do contêiner, o que indica o uso do método rip-on/rip-off, ou seja, inserção da droga clandestinamente no contêiner pouco antes do embarque à revelia do dono da carga.

A droga foi avaliada em cerca de R$ 40 milhões, sendo que no mercado consumidor pode render aproximadamente R$ 120 milhões. Somente no mês de junho ocorreram três apreensões de cocaína no porto de Paranaguá, totalizando 2.128 kg da droga.

30 de novembro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Contato

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: 41.8713-4418

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest