banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

Marciano Vs Ezzard Charles em uma luta dura de 15 rounds em 1954

Em um relatório original de seu confronto de 17 de junho de 1954, escreveram: Rocky Marciano ainda reina como rei, ganhando de Ezzard Charles por pontos em uma verdadeira guerra de pesados

“Rocky Marciano, ainda é campeão mundial dos pesos pesados. Mas ele teve que estar em cima do ringue por 15 duros rounds, antes de ganhar por uma decisão unânime de seu oponente Ezzard Charles, no Yankee Stadium.

O campeão sofreu uma lesão no olho desagradável logo na quarta rodada e sangrou continuamente pelo nariz. Charles sofreu um corte perto do olho direito e terminou a luta com o rosto inchado. Ambos precisavam de atenção hospitalar após a batalha. Marciano tinha 10 pontos inseridos no olho esquerdo.

Essa luta foi uma das mais emocionantes lutas mundiais de peso pesado. Charles deu tudo que tinha em uma tentativa de ser o primeiro homem a recuperar o título. Ele estava com toda a precisão, assombrando o grande Marciano sempre que ele começava a andar, tentou parar o campeão com os socos mais pesados ​ que tinha ​em seu arsenal, mas tudo em vão.

Marciano provou mais uma vez que não só ele é um dos boxeadores mais difíceis que o esporte já conheceu, mas também é um dos mais resistentes.

Na derrota, Charles disse depois que Marciano não é o melhor lutador que ele já conheceu. "Ele é forte e joga muitos socos, mas não me deu uma luta tão dura quanto Jersey Joe Walcott. Na verdade, todas as minhas quatro lutas com Walcott foram mais difíceis. Ele não me machucou tanto quanto Walcott.”

Marciano declarou depois que Ezzard Charles era “O lutador mais corajoso que já conheci. Ele meio que me atrapalhou às vezes”, disse o campeão. "Sim, ele me deu alguns bons socos."

Mas Rocky recebeu elogios de todos os cantos pela forma como lutou para superar a lesão no olho no início da luta. Durante 11 rodadas, o sangue correu do corte e ele deve ter ficado meio cego durante a maior parte do tempo.

Aqui, de fato, é um boxeador que pode dar um bom soco. Um campeão que luta como um CAMPEÃO, e para seus críticos que antes de sua luta disseram que o Rock tinha que derrotá-los para vencer, Marciano passou por 15 rounds agitados com um dos melhores pugilistas em seu peso no mundo e ganhou em uma decisão unânime dos pontos.

28 de novembro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Contato

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: 41.8713-4418

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest