Vereadores de Curitiba voltam a discutir Escola Sem Partido

Projeto teve pedido de vista na Comissão de Serviço Público

A Comissão de Serviço Público da Câmara de Curitiba se reunirá nesta quarta-feira (2), às 8h30, na sala anexa ao gabinete da Presidência, para debater pareceres a seis projetos de lei. Um deles, de iniciativa dos vereadores Ezequias Barros (PRP), Osias Moraes (PRB) e Thiago Ferro (PSDB), pretende implantar na rede municipal de ensino o programa Escola Sem Partido. A proposição chegou a entrar na pauta do colegiado no dia 18 de abril, mas Professora Josete (PT) pediu vista ao relator, Tico Kuzma (Pros).

O programa Escola Sem Partido pretende afixar cartazes nas escolas e Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) com os deveres dos professores. Dentre outros itens, a matéria também afirma que o poder público não “interferirá no processo de amadurecimento sexual dos alunos ou permitirá qualquer forma de dogmatismo ou proselitismo na abordagem das questões de gênero”. O projeto já passou pelas comissões de Constituição e Justiça (CCJ), de Educação, Cultura e Turismo e agora depende do parecer de Serviço Público para estar apta para a deliberação em plenário.

20 de outubro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: (41) 8713-4418

Correio Paranaense / Jornal do Ônibus

comercial@jornaldoonibusdecuritiba.com.br

Tel. 41 3263-2002

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest