Escolas estaduais receberam 2,7 mil toneladas de alimentos

Dos 130 tipos de produtos, 81 são in natura

As escolas estaduais receberam nos primeiros quatro meses do ano 2,7 mil toneladas de alimentos para a merenda dos alunos. Cereais, massas e pães, carnes, verduras e frutas frescas estão entre os itens entregues pelo Governo do Estado às 2.300 escolas da rede estadual para a alimentação de 1 milhão de estudantes.

Segundo o Instituto Paranaense de Desenvolvimento Educacional (Fundepar), dos 130 tipos de produtos, 91 são in natura e, destes, 89% veio diretamente de agricultura familiar.

A participação de produtos diretos da roça na merenda escolar foi crescente nos últimos anos. Atualmente, em média no ano, 59,5% dos produtos são adquiridos de cooperativas e associações de agricultores familiares. É o maior volume entre os estados brasileiros.

“O Governo do Paraná defende a agricultura familiar e aposta no desenvolvimento dos pequenos trabalhadores rurais. Acredita, também, numa alimentação mais saudável e que ajude os nossos jovens terem uma formação física e intelectual mais completa”, afirma o presidente do Instituto Fundepar, Sérgio Brun.

Só nesta primeira remessa do ano o governo aplicou R$ 17 milhões no período para a compra de todos os itens. No ano são feitas até seis remessas de alimentos. A previsão é destinar um total de até R$ 300 milhões para a merenda.

Só para a compra de alimentos da agricultura serão destinados R$ 86 milhões, o que garante renda às famílias de pequenos produtores, contribuindo para que se mantenham no campo e tenham mais qualidade de vida.

“Pela primeira vez na história do Paraná 100% dos municípios são atendidos pela agricultura familiar e fornecem para a merenda escolar”, afirmou Brun.

Publicidade

Últimas Notícias

banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

17 de Janeiro de 2021

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

   CONTATO:

         E-mail: redacao@jornale.com.br

         CEL: (41) 9.9978-9956

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest