Carteira é mordida e dono do cão se nega a prestar socorro

Incidente ocorreu no Bairro Alto, no último dia 27

Uma carteira foi mordida por um cachorro no Bairro Alto, na quarta (27), na rua Alberico Flores Bueno, às 13h20. A trabalhadora dos Correios colocava a correspondência na caixa que estava do lado de fora da residência, quando o animal passou pelo portão que estava aberto e a atacou no tornozelo direito. O cachorro entrou novamente na casa, o proprietário fechou o portão e deixou a trabalhadora estendida na calçada, sem prestar socorro. Uma pessoa que passava pelo local a viu implorando por ajuda e a transportou imediatamente até o posto de saúde mais próximo. Devido à gravidade do ferimento, de lá, ela foi encaminhada para o Hospital Vita, na BR 116.

A carteira trabalha nos Correios faz 12 anos. “Foi muito rápido e na hora ficou tudo preto. Não consegui nem enxergar direito como era o cachorro, só o vi entrando novamente na casa e o dono fechando o portão na minha frente. Foi uma dor intensa, com muito sangue. Nem consigo por o pé no chão”, contou a trabalhadora.

O Sindicato dos Trabalhadores dos Correios (Sintcom-PR) está prestando o devido acompanhamento, com orientação jurídica, pois neste caso, o proprietário do animal pode ser responsabilizado. A diretora jurídica do Sintcom-PR, Neusa de Oliveira, pede que as pessoas mantenham os cachorros trancados sem oferecer risco tanto aos transeuntes quanto aos trabalhadores que prestam um serviço essencial à população, como os carteiros e que se preste socorro à vítima, em caso de acidente.

“A omissão, irresponsabilidade e falta de humanidade deste cidadão devem ser levadas à julgamento para que ele seja responsabilizado. Inadmissível o que aconteceu. Nós já sofremos com a falta de funcionários, sucateamento dos condições de trabalho e ainda temos que passar por isso”, afirmou Neusa.

Publicidade

Últimas Notícias

banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

17 de Janeiro de 2021

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

   CONTATO:

         E-mail: redacao@jornale.com.br

         CEL: (41) 9.9978-9956

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest