Atlético vence o Coritiba no Couto Pereira

Time alternativo rubro-negro levou a melhor sobre o jovem time alviverde

O Atlético foi ao Couto Pereira, na tarde deste domingo (4), e voltou com mais três pontos para casa. O Furacão venceu o Coritiba pelo placar de 1 a 0, em partida da quarta rodada do Campeonato Estadual. Ederson marcou o gol da vitória.

O Rubro-Negro volta aos gramados pelo Paranaense no próximo sábado (10). Em Cascavel, o Furacão enfrenta o time da casa, às 16h30, pela quinta rodada.

A primeira jogada foi construída pelo lado esquerdo do ataque, no primeiro minuto de jogo. Yago tentou a finalização e foi travado, mas a bola ainda ficou com o atacante, que passou para Renan Lodi. O lateral arriscou de fora da área. A bola passou com perigo, à esquerda.

Foi de Renan Lodi também a segunda oportunidade. Ele fez o drible no meio-campo, teve espaço, avançou e arriscou o chute. A bola saiu sem perigo.

E o Furacão seguiu criando chances. Aos oito minutos, Ederson foi lançado na ponta esquerda. O camisa 9 dominou, fez a tabela com Giovanny e bateu colocado. Wilson fez uma bela defesa no canto esquerdo.

A primeira chance da equipe da casa foi aos 24 minutos. Depois de um contra-ataque, Parede arriscou de fora da área, para fora.

A resposta atleticana veio no minuto seguinte, com Deivid. O capitão rubro-negro arriscou de longe. Wilson espalmou.

No segundo tempo, o time mandante foi quem criou a primeira boa chance. Aos seis minutos, após saída errada da defesa atleticana, Parede recuperou a bola e tocou para Ruy, que finalizou rasteiro. Santos praticou a defesa e Cascardo afastou o perigo em seguida.

Mas quem marcou foi o Rubro-Negro, aos dez minutos! Ederson fez jogada na lateral direita e recebeu a falta. João Pedro foi para a cobrança e encontrou o próprio camisa 9, na segunda trave. Ele tocou de cabeça e venceu o goleiro. 1 a 0 Furacão!

Aos 30’, Demethryus fez boa jogada na linha de fundo e cruzou para Ederson. O atacante tentou de voleio, mas a bola foi para fora.

O camisa 9 atleticano estava com fome de gol. Aos 37’, ele tabelou com Felipe Dorta no meio-campo e finalizou de fora da área. A bola passou com perigo, por cima.

No final do jogo, o time da casa pressionou em busca do empate, principalmente com bolas paradas. Bem postada, a defesa do Furacão não teve problemas.

Últimas Notícias