banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

Polícia prende traficantes da Rua do Beco em Guaratuba

Suspeitos estavam com armas e 130 gramas de maconha

Oito pessoas, entre elas três adolescentes, foram encaminhadas para a Delegacia de Guaratuba, durante a “Operação Blackout” deflagrada pelas polícias Civil e Militar, com o intuito de reprimir o tráfico de drogas no Litoral do Estado. A ação policial foi realizada na madrugada de domingo (21), na Rua do Beco, Região do Santo Canto, em Guaratuba.

Durante as buscas, a equipe policial apreendeu um simulacro de pistola, uma faca, 20 munições de calibre ponto 45, cinco celulares, um tablet e aproximadamente 130 gramas de maconha. Centenas de pessoas, que frequentavam o local na ocasião, foram abordadas pelos policiais.

Das oito pessoas encaminhadas à delegacia, duas permanecem detidas. Sendo um rapaz, de 19 anos, autuado em flagrante, suspeito de ser um dos principais traficantes da região. E o outro, um homem, de 21 anos, que utilizava tornozeleira eletrônica e violou o horário de permanência na rua.

Um homem, de 55 anos, também foi autuado em flagrante na ação, por fornecer bebida alcoólica para menor de idade, pois foi flagrado dando bebida à sua filha adolescente. O homem foi liberado mediante pagamento de fiança. Entre os demais conduzidos, dois assinaram um Termo Circunstanciado (TC) por uso e posse de entorpecente e os três adolescentes detidos assinaram Boletim Circunstanciado (BOC), por crime análogo ao tráfico de drogas e aguardam por medidas cabíveis.

De acordo com o delegado responsável pela operação, Renan Ferreira, a operação faz parte de uma linha de investigação que será adotada durante toda a Operação Verão 2017/2018. “Por meio deste trabalho, foi possível dar um retorno rápido a sociedade e até mesmo aos comerciantes e frequentadores de bem da região, já que é um local movimentado devido aos mais variados bares”, explica Ferreira, que ressalta que as investigações irão continuar para identificar outras pessoas envolvidas com o tráfico de drogas na região.

Para o capitão da Subárea de Guaratuba, Pablo de Oliveira Rodriguez, o sucesso da operação deve-se ao excelente trabalho integrado, bem como o serviço de inteligência realizado. “O intuito é garantir e demonstrar a toda população, que o planejamento e coordenação da operação está comprometida não apenas com a segurança de comerciantes de veranistas, como de toda a comunidade local”, finaliza o capitão.

A operação contou com aproximadamente 80 policiais, entre civis e militares, da Delegacia de Guaratuba, Centro de Operações Policiais Especiais (Cope) e 9º Batalhão de Polícia Militar (BPM).

26 de novembro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Contato

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: 41.8713-4418

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest