banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

Sérgio Cabral ficará isolado em cela por duas semanas

Departamento Penitenciário justifica que é o período de adaptação

O ex-governador do Rio Sérgio Cabral foi instalado no Complexo Médico Penal de Pinhais nesta sexta-feira, mas nas duas primeiras semanas, ele deve passar por um período de adaptação. Pelas regras do Depen, são 15 dias sozinho em uma cela, sem direito a televisão ou rádio.

A família de Sérgio Cabral poderá enviar itens de higiene e de vestuário, mas sem direito a visitas.

A primeira visita de familiares será no dia 2 de fevereiro. Depois da triagem, apenas pessoas cadastradas previamente, além dos advogados, poderão ter contato com Sérgio Cabral na cadeia.

As visitas aos presos da Lava Jato são feitas sempre às sextas-feiras. Não há visitas íntimas aos detentos.

Atualmente, o CMP possui uma ala específica para abrigar detentos da Operação Lava Jato. No local, há outros políticos, como os ex-deputados Eduardo Cunha e André Vargas, além do ex-tesoureiro do PT, João Vaccari Neto.

Quando a adaptação terminar, ele também sairá do isolamento e passará a dividir uma cela de 12 metros quadrados, com até outros dois presos. As camas são feitas de alvenaria e têm colchões de espuma, com densidade 28, padrão em todo o sistema penitenciário do Paraná, segundo o Depen-PR.

Os presos podem ter também uma televisão de até 20 polegadas e um rádio AM/FM, que sejam ligados à rede elétrica. Cada galeria possui ainda dois ebulidores, para aquecer a água.

Os banhos de sol ocorrem uma vez por dia e duram até duas horas. O CMP oferece aos detentos a atividades de trabalho, estudo e leitura.

26 de novembro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Contato

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: 41.8713-4418

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest