MPF pede transferência de Sérgio Cabral para Curitiba

Ex-governador teria montado rede de serviços dentro da cadeia

O Ministério Público Federal do Rio pediu a transferência do ex-governador Sérgio Cabral (PMDB), preso em uma penitenciária no bairro de Benfica, na Zona Norte do Rio, para o presídio de Pinhais na Região Metropolitana de Curitiba.

O pedido é referente às supostas regalias tanto em Bangu, onde esteve detido anteriormente, quanto em Benfica. Cabral nega. Os promotores dizem que houve uma "rede de serviço e favores" montada para o ex-governador dentro da cadeia e citam os seguintes privilégios.

Sérgio Cabral está preso desde novembro de 2016 e já foi denunciado 20 vezes pelo Ministério Público Federal. Ele já foi condenado duas vezes pela Justiça Federal do Rio e uma pela Justiça Federal de Curitiba. A pena, até agora, é de 72 anos. As condenações são por corrupção passiva, lavagem de dinheiro e pertencimento a organização criminosa.

Publicidade

Últimas Notícias

banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

19 de Janeiro de 2021

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

   CONTATO:

         E-mail: redacao@jornale.com.br

         CEL: (41) 9.9978-9956

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest