Acusado de desvios na Assembleia, Bibinho está preso por desmatamento ilegal


O ex-diretor da Assembleia Legislativa do Paraná Abib Miguel, o Bibinho, foi preso na sexta-feira (17), em Curitiba. Ele é acusado de integrar uma quadrilha que explora extração ilegal de madeira. A polícia investiga a extração ilegal de madeira em propriedades Bibinho.

De acordo com o diretor do Gaeco, promotor Leonir Battisti, o imóvel onde a madeira foi retirada está sob constrição judicial, ou seja, sequer poderia ser utilizado. O ex-diretor foi preso em 2014 pela Operação Argonautas, em Brasília, no momento em que recebia R$ 70 mil em uma mala do administrador de suas propriedades em Goiás. Ele estava em liberdade, usando uma tornozeleira eletrônica, por ordem do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Em 2015, ele e mais 12 pessoas foram denunciados pelo MP-PR por envolvimento em desvios de dinheiro público do legislativo estadual, depois de um levantamento feito pelo jornal Gazeta do Povo, na série de reportagens “Diários Secretos”.

Publicidade

Últimas Notícias

banner_300x250_V2_01_vacina_portais.gif

16 de Janeiro de 2021

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

   CONTATO:

         E-mail: redacao@jornale.com.br

         CEL: (41) 9.9978-9956

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest