No estilo hiper-realismo a temática deste artista é a NBA

Nós nos encontramos com New Zelandês Steve Butcher para perguntar como ele obtém os tributos da pele tão perfeitos.


Quando se trata da NBA, o fã pode assumir várias formas de colecionar coisas de seus ídolos do basquete. Algumas pessoas colecionam as camisetas de seus jogadores favoritos. Tudo faz parte da diversão de assistir o basquete, um esporte que ganha muito na comercialização de jogadores e produtos como nenhum outro. Onde estaríamos sem Michael Jordan, Kobe Bryant ou Lebron James? E de que outra maneira um fã pode memorizar esses momentos de grandeza inesquecíveis e muitas vezes históricas?


É aí que entra o tatuador da Nova Zelândia, Steve Butcher.


Desde que ele se tatuou há sete anos, ele está se tornando um nome para si mesmo com seus projetos hiper-realistas de super-stars da NBA e outros ícones de cultura pop. As tatuagens que ele fez foram exibidas na ESPN, SB Nation, SportsCenter e quase todos os outros sites dedicados a todos os meios esportivos. Seu trabalho também o leva ao redor do mundo, e ocasionalmente o mundo vem até ele; não é incomum para as pessoas no exterior voarem para a Nova Zelândia especificamente para tatuar com o artista.


O truque para fazer com que suas tatuagens pareçam tão parecidas com a vida se resume a uma unica coisa, diz Butcher: paciência!.


É tudo sobre colocar todos os pequenos detalhes, então, quando tudo for dito e feito, você dificilmente poderá encontrar a diferença entre a tatuagem e a foto retratada.


Veja alguns trabalhos

19 de outubro de 2020

Site de Notícias de Curitiba / Paraná

Jornale: edson@jornale.com.br

             redacao@jornale.com.br

WhatsApp: (41) 8713-4418

Correio Paranaense / Jornal do Ônibus

comercial@jornaldoonibusdecuritiba.com.br

Tel. 41 3263-2002

Editorias

Editais

Siga Jornale

  • Pinterest