Skate Tampa Pro 2017 - Luan e Kelvin


Luan Oliveira e Kelvin Hoefler subiram ao pódio do Tampa Pro 2017, que teve o norte-americano Louie Lopez como campeão. O gaúcho Luan ficou em segundo e o paulista Kelvin em terceiro.

A 23ª edição do campeonato de skate profissional mais tradicional do mundo aconteceu nesse final de semana na Flórida, EUA, e reuniu vários brasileiros. Além de Kelvin e Luan, Carlos Ribeiro, Carlos Iqui, Lehi Leite, Alber Leandro, Felipe Gustavo, Tiago Lemos, Rodrigo Gerdal, Lucas Xaparral, Paulo Galera, Alexandre Massoti e Danilo do Rosário competiram.

Na fase eliminatória, Tiago conquistou a vaga direto para a final pela segunda melhor colocação, atrás apenas do sul-africano Tommy Fynn. Iqui, Lehi, Dudu, Felipe, Kelvin e Danilo avançaram para a semifinal. Pelos títulos de campeão em 2013 e 2015, Luan já estava pré-qualificado para a semi.

Em Tampa Luan sempre anda a vontade. Único skatista a vencer duas vezes o Tampa amador e depois a versão profissional, Luan fez a melhor volta da semifinal. Mas na final não conseguiu superar o amigo Louie, que destruiu a pista com a base de rua e transições.

Essa competição marcou o retorno 100% de Kelvin. Em 2016 ele sofreu fraturas na perna enquanto andava na pista externa de Tampa e passou o restante do ano trabalhando na recuperação. Kelvin repetiu a mesma posição conquistada em 2015.

Tiago Lemos não conseguiu acertar as manobras que estavam no pé como no dia anterior e ficou apenas na 12ª colocação. Felipe Gustavo, outro finalista, terminou em oitavo.

Desde 2015 o Tampa Pro serve como eliminatória da Street League, e o norte-americano Dave Bachinsky conquistou uma vaga para a Liga pela sexta colocação, sendo o melhor colocado dos que não faziam parte da SLS. O argentino Milton Martinez, 11° colocado, ganhou uma vaga direto para a fase semifinal do Street League Pro Open e ainda tem chances de ser integrado nessa temporada.

A final do Tampa Pro 2017 foi uma das mais internacionais de todos os tempos. Foram cinco norte-americanos, quatro brasileiros, um argentino, um sul-africano e um australiano.

Resultado final

1° Louie Lopez (EUA) 2° Luan Oliveira (Brasil) 3° Kevin Hoefler (Brasil) 4° Shane O’Neill (Austrália) 5° Nyjah Huston (EUA) 6° Dave Bachinsky (EUA) 7° Tommy Fynn (África do Sul) 8° Felipe Gustavo (Brasil) 9° Chris Cole (EUA) 10° Torey Pudwill (EUA) 11° Milton Martinez (Argentina) 12° Tiago Lemos (Brasil)

Fonte - TRIBOSKATE - CLICK AQUI PARA VER MAIS E AS FOTOS

Últimas Notícias